Páginas

sábado, 17 de janeiro de 2009

... sociedade madrasta...

... os terroristas: hamas, hezbola, ariel sharon, republicanos, bush pai, bush filho da p... erdão da bárbara, toni blair, piratas dos setes mares, matadores de gente inocente, sem culpa de seus sofrimentos, se escudam em instituições e religiões para semear o medo, o vandalismo e assim a desestabilidade moral da Humanidade. Me pergunto para mim mesmo se tem tanto ódio por que não a descarrgam contra os fortes e poderosos e assim mostram a que viéram, mais assim com essa conduta covarde, miseravel e vil contra civis que não podem esboçar reação só pode ser interpetado como covardes insanos com o poder de convocação para só fazer o mal e a destruição... deliquentes de meia tigela saem a público ameaçar o povo... mais trabalhar para ele? pois sim... até outra... segue o baile... de leve...


"EL terrorista tiene educación funesta, se cria viendo infamias, sugestonándose por lecturas que le fanatizan, hasta que percibe el testamento de su padre, que precipita su mente por caminos de indignación y de venganza. Y va rodando por la cuesta, adquiriendo contornos de avalancha, que arrasa, al pasar, los sentimientos de solidaridad social, y engendra un anarquismo que no es piedad por el humilde sino rencor contra el poderoso, que no es lamentación sino alarido, percursor de un apocalíptico derrumbamiento." Jose Ingenieros, La Psicología En El Arte.

Um comentário:

Tecnenfermaginando disse...

Bruxa madrasta!
Grande post.